terça-feira, 8 de maio de 2012

Queima

Ontem foi a minha primeira e única ida à queima o porto de 2012. E porque vou só uma vezinha este ano? Já são muitos anos de queima e tanto eu como os meus amigos já estamos um bocado fartos e com mais que fazer da vida (e a idade já não perdoa ahah que no dia a seguir a uma noitada estou inválida). Além disso este ano não havia concertos que me puxassem muito para ir,porque se houvesse talvez ainda fosse mais um dia.

Foi uma noite em que:

  •  Começou a chover mal entramos no queimódromo, por volta da meia noite e esteve a chover, sem parar um SEGUNDO, até as 5 e pouco da manhã! Mesmo sem parar! Então basicamente não vimos concerto nenhum, andamos lá de guarda chuva a tentar não nos molharmos muito,mas eu que sou muito inteligente, levava umas sapatilhas que deixam entrar água e ao fim de pouco tempo já estava com os pés encharcados. Vá lá, que o casaco impermeável deu jeito.

  • Depois tivemos a ideia de ir para dentro da tenda electrónica, já que era um sítio abrigado. Mas meus amigos, aquela música,pelo menos para o nosso gosto, estava PÉSSIMA! Eu não gosto de música electrónica, mas um house mais comercial até vou gostando. Mas aquilo era tecno, ou sei lá o quê, que parecia igual o tempo todo que lá estivemos, que ainda foi bastante.

  • Outra coisa bastante estranha, foi que se viam muito menos bêbados que o costume, numa queima das fitas. Acho que a chuva fria e sem parar,punha logo toda a gente mais do que sóbria.

  • Para terminar, vi pela primeira vez o recinto quase vazio, por volta das 5h da manhã. Noutros anos já cheguei a ficar lá até às 6h e tal e nunca tinha visto aquilo tudo vazio.
(foto com o meu telemóvel-que qualidade top-do recinto vazio)

E assim foi mais uma queima, desta vez com pouco para contar. Mas o que tenho a dizer é que, apesar de tudo, diverti-me! Estava com pessoas que adoro e com as quais me consigo divertir até nas situações menos propícias. Para variar, ri-me tanto, tanto! Independentemente do resto, isso é sempre certo =)

4 comentários:

Lacorrilha disse...

O que interessa é que te divertiste.
E eu que ando doida para voltar a essa cidade, gosto tanto.

apenas umas letras disse...

olá. Eu acho que só fui a duas queimas e nunca fiquei embriagado. Numa delas, perguntei a um amigo que vive em Valongo, perto das duas da manhã " vamos para casa? " e ele disse " vamos ficar aqui mais uma hora " e passado 5 minutos, disse ele muito embriagado " vamos embora " e eu perguntei " onde apanhamos o autocarro ? e diz ele " vamos de táxi " e assim foi. Ele vomitou 3 vezes no táxi, o táxi cobrou 15 euros, eu paguei 10, abri a carteira dele e tirei de lá 5 euros e ainda lhe abri a porta de casa dele....lol... cheguei normal a casa. Isso já foi em 2000, 2001, acho. lembro-me como se fosse hoje. beijos

Katia disse...

a chuva nestas ocasiões nunca ajuda =/
bjs*

W a l k e r * disse...

E apesar de tudo o saldo foi positivo ;) isso é que é importante, cada vez mais acredito que o que faz um convívio são mesmo as pessoas que temos ao nosso lado. Porque lugares à muitos, festas também, mas são as pessoas que garantem ou não o sucesso desses "pequenos" momentos nas nossas vidas. Assim como o oposto também é válido ;)