quinta-feira, 10 de maio de 2012

Póster

Eu sei que os pósteres científicos estão muito na moda e percebo perfeitamente que seja importante sabermos faze-los correctamente. Já fizemos para outras cadeiras pósteres deste género, com a informação o mais resumida possível, fácil de ser vista ao longe, perceptível, com imagens/fotos com boa qualidade a ilustrar, etc. Tudo bem.

Agora, quando nos é pedido um póster:

  • Com o título e uma ÚNICA fotografia, não podendo ser usadas montagens, colagens, etc. 
  • Quando essa fotografia tem que ter qualidade suficiente para ficar bem num póster de 60x100.
  • E quando o tema desse póster são ovos, torna-se uma tarefa altamente difícil. 

O que parecia um trabalho fácil, bastante simples, não o é de todo. Preferia mil vezes um trabalho teórico ou um póster científico normal.

É que sabem, se eu vim para veterinária e não para artes, design, etc, por algum motivo foi!!
E não percebo nada de photoshop nem de programas de edição de imagem desse género e também não tenho ideias lá muito criativas, não percebo nada de fotografia, nem tão pouco tenho jeito para isso e vá lá que os meus pais têm uma câmara fotográfica relativamente boa, porque senão ainda era pior! E o grupo tem de se despachar com isto..É cada uma que nos calha!


3 comentários:

W a l k e r * disse...

Realmente por vezes os professores fazem cada exigência que roça o ridículo.

Katia disse...

havia cadeiras no meu curso que eu tb nunca percebi pk lá estavam
enfim
bjs* e boa sorte querida

Lacorrilha disse...

Se eu não soubesse o curso que estás a tirar, ia jurar que estavas em artes. Em relação ao photoshop não te posso mesmo ajudar, que nunca mexi nisso. Mas se quiseres sugestões de programas de edição básicos mas que resultam bem, apita.
Beijocas