quarta-feira, 25 de julho de 2012

Desabafo

Há alturas que me apetecia escrever aqui tanta coisa, nem imaginam.É certo que o espaço é meu, mas é também da internet, onde facilmente qualquer pessoa pode dar com ele. Admito que às vezes me arrependo de o ter divulgado a algumas pessoas, de ter colocado uma ou outro fotografia minha, já há muito tempo, e de o ter tornado muito fácil de identificar como pertencente a mim (por quem me conhece, é claro).

Já pensei em torná-lo privado, mas também é uma coisa que não me agrada muito porque acho mesmo pena não permitir que alguém o descubra e, quem sabe, se identifique com alguns posts, ou que o vejam novas pessoas.
Eu não escrevo aqui mentiras nenhumas, mas há certos desabafos que não ficariam nada bem se alguém que estivesse envolvido os encontrasse. 

Já escrevi imensos posts sobre este mesmo tema, mas pronto, aqui vai mais um. Mais um desabafo sobre os desabafos que não posso aqui escrever. Resta-me o papel (por acaso não me tem apetecido muito escrever) ou ficar com as coisas para mim mesma e tentar meditar no assunto!

3 comentários:

Miss S disse...

Sei o que sentes. Felizmente que praticamente ninguém sabe quem é a pessoa por trás do meu blogue, por isso posso escrever o que quiser. Este blogue é teu e tu mandas nele. Ninguém pode criticar-te por aquilo que aqui escreves. É o teu espaço, onde podes desabafar as tuas alegrias e as tuas tristezas. Quem não gostar, tem bom remédio: não venha até cá ;)

Diário emigrante by D.S disse...

Percebo bem o que aqui escreves, porque tambem já pensei no mesmo. Pensei até em criar um segundo blog mais privado, mas acabo por não fazer, porque depois acho aque acabariam por perceber que era meu na mesma.

Pt disse...

É verdade. Nada do que se escreve na net é seguro mas também há que ver o lado positivo das coisas. Para mim são uma espécie de diário dirigido a todos e a ninguém, a quem quiser, o que é melhor. Não faz sentido algum tornar isso privado.